Datas Comemorativas

Hocus Pocus

outubro 28, 2016o¤° SORRISO °¤o


Não podemos falar de Halloween ou Dia das Bruxas, como é conhecido no Brasil, sem mencionar o personagem mais emblemático da história do terror: a Bruxa

Bruxa Encarquilhada 


Mas, o que é uma Bruxa? 

Uma bruxa é uma mulher que, supostamente, tem poderes demoníacos, praticante da magia negra, ou seja, da bruxaria. A bruxa é considerada uma pessoa muito má, sem escrúpulos e totalmente amoral e imoral. E que, de acordo com o imaginário popular, tem nariz pontudo, risada maquiavélica e aparência assustadora; uma velha muito feia e de pele enrugada que utiliza uma vassoura voadora para se locomover, tipo um jatinho particular. 

Bruxa com vassoura 

Velas e Sangue 


Uma Bíblia para Caçar Bruxas? 

A obra “O Martelo das Bruxas” (Malleus Maleficarum, em latim), escrito pelos dominicanos Jakob Sprenger e Heinrich Kramer e publicado em 1484, foi uma espécie de manual de reconhecimento de práticas consideradas pela Igreja como “demoníacas”. Foi nessa época que o Papa Inocêncio VIII, emitiu a bula papal “Summis desiderantes affectibus”, conhecida como o “canto de guerra do inferno”, reconhecendo a existência maléfica de bruxas e permitindo que qualquer coisa fosse feita para se livrar delas. Estava aberta a temporada de caça às bruxas! 

Livro "Malleus Maleficarum", o manual do caçador de bruxas 


O “manual” foi amplamente utilizado pelos inquisidores (aqueles que adoravam torrar as pessoas na fogueira) para identificar, prender, torturar, julgar e executar hereges (pessoas que não seguiam as regras da Igreja), além de perseguir mulheres, acusando-as de bruxaria. Um livro que transforma, exclusivamente, a mulher em um instrumento satânico, de onde provém todo o mal e que merece perseguição e castigo. Por isso, não existiam bruxos, só bruxas. Harry Potter tava safo! Estima-se que na Europa cerca de 250 mil pessoas pararam na fogueira, sendo que mais de cem mil foram mulheres consideradas bruxas. A histeria da caça às bruxas que começou no século XV duraria até o século XVIII. 

Turma do Chaves - Bruxa do 71 (Dona Clotilde) 

Bruxas reunidas 

Voodoo e coisa pra jacu - frase do Pica-Pau (desenho) 


Em Tempo: O tal Papa Inocêncio VIII (que de inocente não tinha nada) bebeu sangue humano para evitar a morte. É isso mesmo. Parece que ele não queria falar com Deus pessoalmente. O Papa Vampiro fez a primeira transfusão de sangue da história, porém como não entendiam o funcionamento do sistema sanguíneo do corpo, fizeram a transfusão via oral. Dizem que três meninos de 10 anos doaram seu sangue por um "dindin" prometido pela Igreja. O fim dessa história vampiresca só poderia ser uma: tanto o Papa quanto os meninos morreram. E, não podemos deixar de mencionar que esse Papa teve 16 filhos com mulheres casadas. É! E foi ele que deu início a caça às bruxas. Pode isso? Vai ver ele foi enfeitiçado. (:P)

Bruxas no Novo Mundo?  

Acredito que o caso mais notório de caça às bruxas ocorreu em Salém, Massachusetts, Estados Unidos, no ano 1692. Foram presas cento e cinquenta pessoas sob acusação de bruxaria e dezenove delas foram sentenciadas à morte, sendo quatorze mulheres. As sentenças eram executadas com requinte de crueldade e variavam entre morte na fogueira, afogamento ou enforcamento. 

Bruxas de Salém 

Execução por enforcamento 


Vale lembrar que as principais testemunhas de acusação do julgamento das Bruxas de Salém foram as primas Elizabeth Parris e Abigail Williams, com nove e onze anos, respectivamente. (!

Que Sinais Revelam uma Bruxa? 

Assim eram identificadas as bruxas na comunidade: 

1- Mulher 

Se você fosse mulher (não importando a idade) devia ser uma adoradora do demo. Simples assim. Afinal, tudo teria começado lá nos tempos de Adão e Eva. Não foi Eva quem levou Adão por mau caminho? Dando ouvidos a uma serpente? Logo... 

Execução preferida para as bruxas: queimar na fogueira 


2- Pobre 

Se você fosse pobre, estava ferrada. Mulher e pobre, ferrada em dobro. 

3- Rica 

Mulher independente financeiramente e solitária (entenda-se sem marido) só podia ser bruxa. Óbvio. 

4- Amigas 

Se você tem mais de uma amiga, xiiiii! Estava formado o Conselho de Bruxas! Mulheres reunidas eram um perigo. 

Bruxas más reunidas? 


Apontando o dedo aqui e ali, acusando todos de realizar bruxarias, não era difícil que os desentendimentos surgissem. Claro que tanto mal-estar só poderia ser causado por bruxas. 

Naquele tempo era difícil “sobreviver” sem levantar suspeitas de bruxaria. Por isso, era muito comum lançar acusações de bruxaria para outras mulheres, não importando se fossem suas amigas ou não. Tirar o seu da reta era o que importava. 

5- Velha 

Se você era uma senhora idosa, enrugada, casada, viúva ou solteira (xii!)... Bruxa!! 

Mulher velha: bruxa má e feia 


6- Jovem 

Não pense que a inocência de uma criança seria bem-vista por seus vizinhos se eles achassem que era uma bruxinha. Tanto mãe quanto filha seriam aprisionadas e/ou mortas. 

7- Ervas 

Qualquer mulher que fizesse uma simpatia ou um inocente chá com propriedades medicinais ia direto para a forca ou fogueira. Se manipulava a natureza, tendo o conhecimento ancestral de como utilizar ervas, plantas, folhas, flores e raízes em remédios e curando doenças, só podia ter um pacto com o demônio. Coitadas das curandeiras e das parteiras, conhecedoras da cultura popular. 

8- Filhos 

Se a mulher era fértil demais, só podia ser obra de magia negra. Fogueira! 

Se o casal não possuía filhos, e o infortúnio batia à porta dos seus vizinhos, é claro que tudo tinha sido provocado pelo diabo. Bota lenha na fogueira pra mais uma! 

9- Esquisita 

Se você fosse intrometida, tivesse um tique nervoso, desse um chilique, sofresse ataques epiléticos ou qualquer outra coisa do gênero estava na cara que era uma bruxa na comunidade. 

Toda bruxa deveria ter um gato preto como fiel escudeiro 


10- Marca 

A “Marca do Diabo”. Uma marca, verruga, cicatriz ou qualquer defeito de nascença era a identificação mais certeira de uma bruxa. Se a Angélica vivesse nesse tempo... tadinha. 

11- Azedo 

O leite azedou? A manteiga desandou? O ovo apodreceu? O pão queimou? Tinha uma bruxa por perto. 

12- Traição 

Se você traiu seu marido e “abocanhou” o da outra foi porque o diabo mandou. Mais uma para a forca. Até mesmo acender velas e fazer promessas para encontrar um marido era assinar sua sentença de morte. 

13- Santa 

Não seguiu à risca as leis da igreja ou os dez mandamentos, só podia ter um pacto com o coisa ruim. Pecadora! Joga no rio! Queima! Enforca! 

A Bíblia Sagrada 



Como Identificar uma Bruxa Legalmente? 

As mulheres suspeitas de serem bruxas eram amarradas e jogadas no rio ou no lago (previamente abençoados, é claro). Se elas afundassem seriam consideradas inocentes (mortas, mas inocentes, que maravilha!), então eram retiradas da água e enterradas em solo santo. Se elas flutuassem significava que eram bruxas, então iam direto para a forca ou a fogueira ou seriam levadas a julgamento. O que fosse mais interessante no momento. 

Conclusão 

De acordo com historiadores, as bruxas nunca existiram de fato e as pessoas condenadas por bruxaria sequer estavam ligadas ao demônio ou religiões pagãs. Essas pessoas apenas não seguiam a religião imposta (Catolicismo), eram hereges. Ou, simplesmente, eram diferentes ou doentes ou para algumas pessoas era melhor que elas estivessem mortas. Vai saber. 

Tempo de histórias sombrias e derramamento de sangue. Onde uma histeria coletiva de uma invasão de bruxas nas cidades fez com que muitas mulheres inocentes, apontadas como bruxas por seus vizinhos, fossem parar nas chamas purificadoras da fogueira. “Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come.” 


Elphaba, a Bruxa Malvada do Oeste - "O Mágico de Oz", filme de 1939 

"Convenção das Bruxas", filme de 1990 - Eva uma bruxa tradicional

Turma do Chaves - Dona Clotilde a Bruxa do 71 

Bruxa Má do filme de animação "Branca de Neve", de 1937 

Mais uma Bruxa da Branca de Neve com a maçã - pronta para "dar o bote" 

"Abracadabra", filme de 1993 - Bruxas Sarah, Winnie e Mary

Bruxa Muriel de "João e Maria: Caçadores de Bruxas", de 2013  

Mágico de Oz - Elphaba que virou mito 

Mesa de Magia 



Beijos mil! :-)
Criss


Não esqueça de Comentar e Seguir o Blog. OK?




Você Também Vai Curtir

2 brincadeiras

  1. Adorei o post realmente e como era identificadas as bruxas na comunidade ( 13 fatos )
    eu ri muito pois a minha mãe tinha essas manias , e as vezes eu acabo dizendo as mesmas coisas ...kkkk .
    Amei sua visita no meu cantinho de fofoca adoro fofocar ...kkk ...
    Beijos e um Feliz Dia das Bruxa ...Búúúú !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jan.
      Fiquei super feliz de você ter vindo aqui me visitar. :-)
      Olha, eu nem reparei que foram 13 sinais. Logo o número 13. Hahahahaha!
      Quando eu estava pesquisando fiquei impressionada como qualquer coisa (principalmente se fosse mulher) podia apontar uma pessoa herege ou bruxa. Era muita ignorância.

      Espero você por aqui de novo.
      FELIZ DIA DAS BRUXAS!

      Beijos mil! :-)

      Excluir

»☻ Valeu por seu Comentário ☻«

“Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... ou toca ou não toca.”
Clarice Lispector


Posts Populares

Instagram

Formulário de contato