Minha Poesia

Dança de pantomimas

abril 27, 2008o¤° SORRISO °¤o


Baila bailarina o balé
Na pontinha dos dedos do pé.
Salta, rodopia.
Igual ao beija-flor que de flor em flor salpica,
A bailarina segue na mais pura perfeição
De seus passos coreografados à exaustão.
Um salto, dois rodopios.
Um arrebatamento de delicadeza.
Forma os braços em arco,
E, ora inclinando o corpo pra cá, ora pra lá,
Dança seu balé sem parar.
Performance luminosa e incansável,
Com gestos e posturas em primorosa simetria.
E quando o espetáculo por fim se finda
Aplausos e flores são o prêmio da bailarina. 

Criss 


Você Também Vai Curtir

5 brincadeiras

  1. Criss,
    Quando eu era pequena fazia ♪♪♫♫♫♥ ballet. Me sentia uma veradeira bailarina. Hoje so recordações...e como foi bom lembrar.
    Beijos
    PS:Recebi teu email, entro em contato.

    ResponderExcluir
  2. QUERIDA AMIGA, QUE BOM VER VC LÁ NO MEU BLOG!E QUE LEGAL QUE VC GOSTOU!SEU ESPAÇO HOJE FALA DE POESIA, NO MELHOR ESTILO DA PALAVRA!MUITO BEM ESCRITO,PARABÉNS!

    QUE BOM QUE TEMOS OUTRA ROCKEIRA NO PEDAÇO!!ROCK É VIDA, ROCK É TUDO, ROCK É ENERGIA!

    BJUS E TENHA UMA ÓTIMASEGUNDA...FELIZZZZ!

    WALK ON FOREVER,MONICAVOX

    ResponderExcluir
  3. O seu prêmio por esse texto simples e bonito é um forte abraço, meu carinho e um beijão. Boa semana Criss

    ResponderExcluir
  4. Belo texto amiga, a bailarina harmoniza a vida com seus gestos delicados porém fortes.Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir

»☻ Valeu por seu Comentário ☻«

“Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... ou toca ou não toca.”
Clarice Lispector


Posts Populares

Instagram

Formulário de contato